quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Mãe Natal(a)

Este ano a salinha da Leonor vai actuar na festa de Natal.

Ao que parece, os meninos puderam escolher a personagem que querem encarnar e a Leonor optou pela Mãe Natal(a).

Tudo muito bem, não fora o objectivo de que o fato seja personalizado e feito adivinhem por quem.

Dizia o recado mandado pela educadora que os meninos vão ficar muito orgulhosos da mamã.

Achei a ideia linda e ternurenta, duvido é que a minha filha se venha a sentir orgulhosa dos meus dotes artísticos.

Não sei costurar e sou a pessoa mais desprovida de capacidade criativa que conheço.

Não sei como me desenvencilhar desta.

Podiam ter-me pedido para cantar ou fazer de rena, mas não. Pedem-me para costurar.

Ó vida. Se alguém tiver uma ideia de génio, por favor partilhe.

Trata-se de uma questão de honra e  expectativas  criadas a uma criança de 3 anos.

7 comentários:

  1. Hahaha estou ansiosa por ver o resultado! Para que conste, consigo sentir a tua angústia, pois eu teria a mesma se me fosse pedido a mim para criar uma fatiota com as minhas duas mãos esquerdas...

    Em último recurso, podes comprar um fato, tirar-lhe a etiqueta e dar-lhe um ar mais rústico, sei lá, descoser um par de bainhas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ´Gostei das tuas "duas mãos esquerdas" e da dica das bainhas. Está mais para isso do que para outra coisa :)

      Eliminar
  2. A Joana não deixa de ter razão.
    É pena os meus dotes de costureira ficarem abaixo no nível 0, caso contrário poderia ajudar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podes ajudar com umas pesquisas na net, vó Lili. Ideias precisam-se

      Eliminar
  3. Um vestidinho vermelho com umas meiinhas e umas botas e chapéu de Pai Natal, talves com tranças, para ser mãe natal, é talvez a melhor solução.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E quem faz o vestido Marie? Essa é a grande questão. Sou como a Joana, tenho duas mãos esquerdas :(

      Eliminar
  4. Um vestidinho vermelho com umas meiinhas e umas botas e chapéu de Pai Natal, talves com tranças, para ser mãe natal, é talvez a melhor solução.

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.