Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2010

Até Sempre António

A minha 6.ª feira começou com a triste notícia da morte do António Feio.

Confesso que nunca estive muito atenta à sua carreira. Aliás, só durante a sua doença o comecei a admirar.

O António Feio foi aquilo que se espera de uma figura pública. Um exemplo de força e coragem inabaláveis, que fez o favor de partilhar com todos nós.

Sem dúvida alguma, uma grande perda. Faltam-me as palavras para descrever o que sinto. Espero que todos tenhamos captado a mensagem que o António Feio nos quis transmitir.

Feira Medieval

Começou hoje a Feira Medieval em Santa Maria da Feira. Uma verdadeira e inesquecível viagem à Idade Média, que merece ser visitada.

A Feira cresce de ano para ano e é incrível ver a forma como toda a cidade se envolve, desde as casas e lojas engalanadas, até aos lojistas trajados. Um espectáculo.

A quem quiser visitar, um conselho, venham cedo e evitem o fim de semana. A cidade fica intransitável, a certas horas.

Podem sempre arrendar um quartinho na casa da família Neves Pinto. Só precisariam de trazer a cama e almofada, ih,ih,ih

Boa noite

Passei só dar uma pequena explicação a quem tem estranhado a minha ausência.

A energia que vou despendido ao longo do dia faz com que chegue à noite estafadinha.

Mudámos a Leonor para o quarto dela, na semana passada, e como a mocinha estranha os desenhos no tecto, tenho de me deitar com ela para adormecer. Resultado, caímos as 2, redondas, nos braços de Morfeu.

Esta noite adoptei uma táctica nova, que foi a de lhe dar o biberão com ela deitada e, pelos vistos, resultou. Acabou por adormecer sózinha.

Et voilá, cá estou eu. Acordada, ainda.

Mais uma lição

Foi um choque receber a notícia do falecimento do Tiago Alves, um promissor atleta que aos 18 anos se viu confrontado com o cancro.

Conheci o seu blog, e a sua história, através de vários blogs e todos os dias ia procurar novos posts. Hoje percebi a razão de não os encontrar. Deixo aqui um beijinho de condolências à família e os parabéns pela vida do Tiago que foi, em todos os sentidos, um grande lutador e exemplo de vida.

A notícia do seu falecimento deu-me mais uma lição. Uma lição que tinha obrigação de já ter aprendido mas que, ao que parece, esqueci por algum tempo. A lição que precisava, no momento certo. Por motivos vários, não me vou alongar mais. Sò dizer que, mesmo sem te ter conhecido pessoalmente, não te esquecerei Tiago. Obrigada por teres entrado na minha vida.

Bem Vinda Luana

Lá longe em Angola, onde eu gostaria de estar agora, os meus amigos Nuno e Luísa vivem o momento mágico que é receber, nos braços, o 1.º fruto do seu Amor.

Nasceu a pequena Luana.

Aos 3, um grande beijinho, cheio de Amizade e desejos de toda a Felicidade do mundo.

Excessos

Este foi um fim de semana de excessos alimentares.

Devia ficar caladinha, tal a vergonha, mas vou contar.

Rodízio, caldeirada de enguias, sardinhas, camarão e sapateira. Tudo em doses imoderadas e originado por uma série de coincidências.

Algo me diz que vou pagar com língua de pau. E é bem feita. Já o sábio Variações o dizia "quando a cabeça não tem juízo, o corpo é que paga"

Top Model

Não tivesse eu espelhos em casa e acreditaria estar a ficar igualzinha a uma top model, daquelas que fazem suspirar.

Não há dia que não me digam,estás com muito bom aspecto, agora, e o teu cabelo está o máximo.

Fico toda vaidosa com os elogios, claro, mas o pequeno pormenor que a palavra agora representa, deixa-me a pensar. É que as pessoas que dizem que estou com muito bom aspecto, agora, são as mesmas que o disseram em Setembro e Dezembro do ano passado e em todo aquele período em que, à conta da quimio, andava com aspecto de cão lazarento.

Seja como for, não tenho motivo para duvidar da bondade dos comentários, o que me leva a pensar que estando o meu bom aspecto a melhorar desta forma, em breve colocarei a Claudia Schiffer num canto e o Nelson vai ter de correr para me agarrar.

Stress ajuda a combater o cancro

Tive de reler o título da notícia que li, algures, esta semana.

O stress ajuda a combater o cancro terá sido o resultado de um estudo feito em ratinhos (pobres ratinhos), resultado que infirma todos os outros 1001 estudos de conclusão contrária.

Seja como for, gostei da conclusão. A acreditar nela, estou safa.
Amanhã vou fazer a última heparinização (palavra chique para dizer limpeza) do cateter. Dia 5 de Agosto está marcada a cirurgia para o remover.

Esperei muito por este momento mas agora, curiosamente, a ideia deixa-me algo angustiada. E a comichão que sinto? E se o bicho resolve reaparecer e torno a precisar do cateter? Ok, ponho-o outra vez, eu sei, mas a ideia não é simpática. E até já estou habituada a este componente.

Hoje, pelos vistos, está a dar-me para a parvoíce. É melhor parar por aqui.

E aos 14 meses

Imagem
E aos 14 meses, a pequena já me mostrou o meu papel.
Cozinhar, descolar couscous da parede, lavar roupa e mudar fraldas. Tarefas pouco qualificadas, portanto.

O resto, faz sózinha, comer, lavar os dentes, chamar o elevador, tocar às campainhas...

Sou descartável, no fundo.

Parabéns Madrinha Conde(ssa)

Imagem
Faz hoje anos, uma das mulheres mais fantásticas que conheço. Única e irrepetível, a Dina, minha madrinha de Crisma e madrinha de batizado da Leonor, é para mim uma referência. Todos os dias aprendo com o seu exemplo e me lembro dos seus, pequenos/grandes, ensinamentos, só possíveis de transmitir por alguém muito sábio.

Podia aqui apontar muitos exemplos da sua grandeza de carácter e da sua infinita Amizade por mim, mas não iriam acreditar. É difícil acreditar na perfeição.

Parabéns minha querida.

Um grandes beijinho, destes que te adoram

E quem tinha razão

.... era o polvo Paul que, pelos vistos, tem um 6.º sentido muito mais apurado que o meu.

Parabéns Sylvester

Faz hoje 64 anos, o "grande" Sylvester Stallone. Ouvi a notícia de manhã, o que me fez recuar mais de uma década e recordar as idas ao cinema com o meu pai. Sempre para ver filmes levezinhos, de acção ou de guerra. Então se entrasse o Stallone, Arnold ou Bruce Willis era certinho que estávamos lá batidinhos.

O meu progenitor só soube fazer miúdas, 3, mas, até aparecerem os miúdos, teve sempre companhia nos seus hobbies. Cinema e bola.

Na época ainda conseguia ver um filme do princípio ao fim sem adormecer, o que de há uns anitos para cá é impensável. É mesmo um desperdício pagar um bilhete, porque não vejo nem metade do filme. E nem o som dos tiros e explosões me perturba o sono.

Uma vergonha.

Quites

E pronto, estão quites.

O processo, por difamação, da MMG contra o nosso Primeiro foi arquivado. Tal como o processo, por difamação, do Nosso Primeiro contra a MMG.

Ninguém se ficou a rir.

É justo. Vamos ver o que arranjam agora para nos entreter.

Uma brasa

Imagem
Ontem levamos Sua Alteza Real à praia, pela 1.ª vez. Não sei bem quem gostou mais, se ela ou os papás. A reacção foi óptima. Pelos vistos a areia e a água eram saborosas. A pequena fartou-se de comer e beber.

Rastreio de Medula Óssea - 18 de Julho em Aveiro

Imagem
Malta de Aveiro e arredores. Aqui informação sobre mais uma oportunidade de salvar vidas.

Segundo me disseram, a Maria Inês já encontrou dador, mas há muitas Maria Inês pelo mundo fora.

Não deixem passar esta oportunidade.

A colheita é dia 18 de Julho, na Escola 2/3 João Afonso (perto do Hospital de Aveiro), das 09h às 12h30 e das 14h às 17h30.

O prometido é devido

Estava aqui na limpeza da m/ caixa de correio, que está cheiinha de lixo, quando decidi procurar este e.mail, que decidi partilhar, enviado a amigos e colegas no dia 14 de Julho de 2009, naquele que foi o verdadeiro mês horribilis da minha vida.

Passado 1 ano, é com alegria que posso dizer que o prometido é devido. Dei cabo do bicho. Agora é só não abrir brechas.

Boa noite,

cá vai a actualização do m/ Boletim Clínico.

Desculpem ser um e.mail colectivo, mas assim torna-se mais fácil.

Como algumas de vocês já sabem, começo a fazer quimioterapia na 2.ª feira. O gânglio que tirei é um linfoma de HodjKin (não tenho a certeza se se escreve assim). Os possíveis efeitos secundários são todos aqueles que nós sabemos. Posso tê-los todos ou só alguns, em maior ou menor escala. Não vale a pena especular, logo saberemos.

Hoje fiz mais um exame e amanhã faço outro para saber se o bicho está nó na axila ou resolveu passear-se por outros sítios.

A ideia do que me espera não é fácil, como devem imaginar. No …

Frase do Dia

"Todos os burros comem palha, a questão é saber-lha dar"

Irresolução

Ontem à noite, ao jantar:

Ele: Temos de começar a poupar
Eu: Pois temos
Ele: Apetece-me um gelado. Temos algum no congelador?
Eu: Não

Pausa

Eu: Vamos lá abaixo ao café
Ele: Não, temos de poupar
Eu: Na comida não se poupa
Ele: Gelado não é comida
Eu: Ai não, então é o quê? Bebida?

Pausa

Ele: Vamos?
Eu: Vamos. Leonor anda à mamã, vamos ao café

Os Crimes dos jornalistas

Hoje, qual Marcelo Rebelo de Sousa, trago-vos um livro - O crime dos jornalistas (Editora Almedina).

Este livro teve origem na tese de mestrado da autora, Cláudia Araújo, e aborda a questão dos processos judiciais contra a imprensa.

Gosto particularmente do tema. A fronteira entre liberdade de expressão/direito à informação e os direitos de personalidade dos visados pelas notícias é, regra geral, muito ténue. Estamos a falar de direitos fundamentais que, muitas vezes, colidem obrigando a uma ponderação nem sempre fácil.

Estou ansiosa por lê-lo.

Sei que o normal seria sugerir-vos a sua leitura depois de eu própria o ler, mas não resisti a colocar hoje o post.

Tive a sorte de receber um autógrafo personalizado da Cláudia Araújo, que sinto conhecer melhor do que algumas pessoas com as quais me cruzo diariamente. Agradeço à sua babada e orgulhosa Amiga, tia Eva (a quem meti a cunha) e à Cláudia, o cuidado e atenção.

Sendo tão Amiga da minha querida Amiga Eva, tem de ser uma excelente pessoa e p…

Somos candidatos à descida

"Somos candidatos à descida". Foi assim, de uma forma duramente crua e racional, que o treinador do meu Beira perspectivou a próxima época futebolística.

E, infelizmente, tem razão pois a conjuntura que envolve o clube é tudo menos estável.

Gostava de acreditar, contudo, que se tratou de psicologia invertida e que, devagar e discretamente, vamos manter o lugar na I Liga que tanto nos fez suar.