Crónica de uma morte anunciada

A chupeta da Leonor teve a morte trágica, que contei AQUI.

Isto aconteceu pouco depois de fazer 3 anos.

Apesar de eu temer que ficasse traumatizada, a miúda até reagiu bem.

Pelo menos aparentemente, pois já determinou que aconteceria o mesmo à chupeta da mana no dia em que ela fizer 3 anos.

A pobre Tita já está convencidíssima dessa fatalidade e não se cansa de repetir que o pai vai cortar a chupeta naquela data.

Eu, que não tenho nada a ver com a conversa, é que ando angustiada com a ideia.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama