domingo, 4 de maio de 2014

Todos os meus dias são Dia da Mãe

Ouço a palavra mãe cerca de mil vezes ao dia, os dias.


- Mãe, quero água!
- Mãe, já está!
- Mãe, olha a Tita!
- Mãe, olha a Leonor!
- Mãe, não ouco nada. Põe mais alto.




Passo os dias a tropeçar em recortes e desenhos que fazem para me oferecer.


Não sei o que fazer a tantas flores que apanham, em qualquer canteiro, para me oferecer.


Deixei de ser Susana para passar a ser a mãe, no Centro de Saúde, no infantário ...


Todos os meus dias são Dia da Mãe ... e é tão bom.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.