sábado, 19 de julho de 2014

A caminho da crise dos 7 anos

Em Outubro fazemos 7 anos de casados e uma Amiga nossa já me alertou para a famosa "crise dos 7 anos".


Sei que tudo na vida, a começar pela economia e a acabar nos relacionamentos interpessoais, tem vários ciclos.


Num casamento então os ciclos são mais do que muitos. Nem sempre é fácil aturar defeitos tão grandes quanto os de deixar a tampa da sanita levantada ou a porta do corredor aberta.


Como li algures, não basta haver Amor para se conseguir ultrapassar as várias crises que um casamento passa.


A coisa passa por muita paciência, tolerância e diálogo.


E, digo eu, a ideia de uqe ter filhos vem fortalecer o Amor (o tal que não é suficiente para ultrapassar crises) não passa de uma quimera.


Desde logo porque as doces criancinhas esgotam grande parte da paciência e tolerância e são tudo menos facilitadoras do diálogo entre os pais.


Daí que não me assuste essa crise dos  7 anos de casamento (cujo fundamento não consegui encontrar nas minhas pesquisas).


Crises no casamento há-as todos os anos (às vezes até mensalmente) e por cada uma que se supera (à conta da paciência e tolerância) há algo novo que se descobre no outro e um  Amor que ganha cada mais força.


Venham por isso os 7 anos (x 70 se possível) e a(s) crise(s)

1 comentário:

Obrigada por dar vida a este blog.