Minha santa menina

A Tita é um poço de emoções e surpreende-nos a cada momento. Nos dias de catequese da mana, não há quem a demova de participar. Os lanches partilhados que se fazem no final são uma forte motivação, é certo, mas fa-lo porque efectivamente gosta. Trata-se de pura devoção e é ela quem nos empurra para a missa ao domingo.
Continuando assim, vai fazer a catequese duas vezes, a minha santa menina.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama