Não quero ouvir nem mais uma palavra vossa!

Mais uma doce manhã, em que as patroas se esgadanham aos gritos até que as alerto - "Não quero ouvir nem mais uma palavra vossa!".
A pequena, ladina e travessa, entendeu pedir esclarecimentos. "Só não podemos discutir, não é?!".
"Obviamente, filha!".
E blá, blá, blá!

Comentários

Publicar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.

Mensagens populares deste blogue

Este é para quem gosta de hamburguer´s e culpa sempre a vontade

12 anos, bodas de seda

Irrita-me a estupidez humana