segunda-feira, 11 de outubro de 2010

As minhas viagens

Faço diariamente 100 kms, casa-trabalho-casa, demorando 35 minutos para cada lado.
Já estou tão habituada que o faço de forma quase automática.

Meto a minha Mariazinha no carro e lá vamos nós, umas vezes a cantar, outras a pensar na vida e no que há para fazer (eu) e a dormir (ela, claro).

É claro que, às vezes, custa. Especialmente ao fim da tarde, em que trago o cansaço de um dia de trabalho e os programas de rádio são mais aborrecidos.

Mas não é nada de outro mundo e não me esqueço que há muitas pessoas (as que vivem nos grandes centros urbanos) que perdem mais tempo nessas deslocações casa-trabalho-casa. E não vão de carro, e também têm filhos e também têm casas para tratar.

É isso que vou lembrando a quem se preocupa muito com o facto de morar longe do trabalho (assim de repente até me lembro de uma vantagem, mas não digo qual :)

2 comentários:

  1. Minha Linda

    Embora tenha consciência das vantagens de se viver longe do trabalho eu continuo a dizer que adorava ter-te aqui mais perto. Mas também já sabemos que a distância não nos impede de manter a nossa amizade. E eu ainda não perdi a esperança de te ter em Aveiro :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Realmente Santa Maria da Feira não fica assim tão longe de Aveiro!
    E as distâncias são sempre relativas...
    bj

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.