quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Bon, como o milho do Porto




O que é que uma gaja que se emociona numa festa de finalistas da pré-primária (só de imaginar a festa das suas filhas daqui a uns anos) pode dizer do concerto da sua banda preferida?

Brutal. Muito bom. Não só o concerto em si, mas tudo o que o rodeou e o que significou.

E a companhia não podia ser melhor. A melhor. Thank you my man, you´re the best.

As pequenas ficaram em ótimas mãos e nem se lembraram da nossa existência durante 4 horitas.

Em resumo, foi excelente sair com o marido como se fossemos adolescentes.

4 comentários:

  1. FIXE!!! E o rapaz (não o teu, o outro, o louro) está mesmo bon comó milho!
    Bjinhos

    ResponderEliminar
  2. Bem, até eu gostei do tio Bon. Simples e cheio de energia. Foi óptimo ter-me sentido adolescente outra vez. Temos de repetir... Nelson

    ResponderEliminar
  3. Repetimos, pois. Já te disse que o Bryan Adams vem a Portugal dia 15 de Dezembro? Tou a brincar, um jantarinho e uma ida ao cinema já são emocionantes o suficiente, nesta fase :)

    Beijos

    ResponderEliminar
  4. É verdade, o concerto foi muito bom :) Já para não falar do ambiente do recinto...Filipa

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.