quarta-feira, 17 de julho de 2013

Nova temporada do teatro de rua

Voltou uma nova temporada do teatro de rua.

Anteontem e ontem, D.ª Maria Leonor fez cenas de enorme dramatismo no caminho entre o carro e a escola (depois dos ensaios feitos em casa), que envolveram fugas e a necessidade de eu entrar disparada na escola, atirar a Benedita para o colo de alguém e correr para o pátio onde a agarrei e arrastei por um braço.

Ao desabafar com o papá, perguntou-me porque é que não lhe tinha dado uma palmada

Respondi que não era socialmente aceitável e que alguém podia chamar a polícia.

Na volta, levei um puxão de orelhas, em forma de pergunta " e achas que é socialmente aceitável uma mãe ser gozada?".

Ora bolas. Eu sei que elas não me respeitam e que é por isso que acontece o teatro de rua. Com o pai não aconteceria.

Mas também era escusado que me mostrassem a realidade de forma tão crua.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.