domingo, 8 de setembro de 2013

E quando levamos crianças, na fase do pós-desfralde, a um casamento ...

... sujeitamo-nos a que elas se sentem no chão do salão e, calmamente, façam o seu xixizinho.

Foi o que aconteceu com a Benedita, que só me chamou, depois do lago feito. Entretanto o precioso líquido ia escorrendo salão fora, mesmo ao lado das mesas onde os convidados comiam.

Isto apesar de me ter obrigado a levá-la à casa de banho umas 50 vezes para fazer pinguinhas.

E a mãe, o que fez perante o embaraçoso cenário? Teve um pequeno ataque de riso e disse que não conhecia a criancinha.




Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.