Leitura de pensamentos ou previsibilidade?

Começou, cá em casa, uma fase estupidamente irritante a de "macaquinhas de imitação".

Não há nada que divirta  mais a Leonor do que repetir todas as nossas frases. Como é bom de ver, a Benedita também começa a gostar de o fazer, especialmente porque percebe a nossa irritação.

A mim, que sempre me passei com sons e perguntas repetitivas, a coisa faz-me bulir o sistema nervoso.

As garotas estão naquilo minutos a fio.

Há pouco, num desses momentos de enlouquer, ouço a Leonor "e agora a mãe diz - Leonor vais já de castigo para o quarto".

Será que me lê os pensamentos ou sou mesmo assim, previsível?

Comentários

  1. Todas as crianças passam por essa fase que torra os nossos nervos. Aprendi na Faculdade de Psicologia, que quando você quer extinguir um comportamento, deve ignorá-lo SEMPRE, sem exceções. Sei que falar é mais fácil do que fazer. Garanto que dá certo: se não te irritar, perde a graça.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que sim, mas a verdade é que não consigo abstrair-me e ignorar. Acho que vou ter de fazer yoga ou algo do género :)

      Eliminar

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.

Mensagens populares deste blogue

Obrigada autoestrada

Lanche partilhado

Onde está Deus nestas alturas?