sábado, 28 de dezembro de 2013

As adenóides da Leonor - quem dá mais

Assustada com a possibilidade de ver a minha mais velha ser submetida a uma cirurgia para remover adenóides e amígdalas decidi, coisa que raramente faço, procurar uma 2.ª opinião médica.

Para meu contentamento, o 2.º parecer foi no sentido totalmente oposto. A cirurgia será, pelo menos de momento e segundo este médico, totalmente desnecessária.

Disse-nos, ainda, este médico que o raio x feito pela Leonor é um exame arcaico, pois será perfeitamente possível ver o tamanho das adenóides com recurso a um mero espelho.

Temos pois um empate técnico. Na verdade estes dois especialistas só estão de acordo quanto à função das amígdalas e adenóides (valha-nos ao menos isso).

Isto de existirem várias teorias, no que ao tratamento de um problema físico diz respeito, causa-me muita confusão.

Especialmente quando implica fazer a escolha entre fazer, ou não, uma intervenção cirúrgica.

Apesar de, no meu íntimo, já ter tomado a decisão que acredito ser melhor para a minha filha existe sempre o (muito) receio de que não seja a decisão mais correcta.

Em todo o caso, existindo empate, temos de ir a prolongamento o que é o mesmo que dizer ouvir a opinião da pediatra.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.