domingo, 8 de dezembro de 2013

Leonor a destralhar

A escolinha das meninas está a fazer uma campanha de recolha de alimentos e brinquedos para as famílias carenciadas, utentes da instituição.

O objectivo é que sejam as próprias crianças a seleccionar os brinquedos que vão dar, para começar a incutir-lhes o espírito de solidariedade.

Quando disse à Leonor que iria escolher alguns brinquedos para dar, ela reagiu mal. Disse-me que não tinha brinquedos que já não usava.

O sábado foi, por isso, dia de sensibilização.

Hoje, a rapariga anda toda empenhada a destralhar. E a verdade é que não tem assim muito por onde escolher.

Por um lado porque eu vou fazendo recolhas com alguma periodicidade, por outro porque cá em casa só há bonecas desmembradas e puzzles e legos incompletos.

Os brinquedos das cachopas andam espalhados entre as várias divisões da casa, alguns enfiados em sítios inimagináveis, a casa da avó Lili, a casa da bisavó Sissi e o carro.

Mea culpa, Mea culpa que devia ir fiscalizando melhor a situação.

De modos que um dos meus mais recentes passatempos é juntar pecinhas da mesma espécie na esperança de, um dia, voltar a ter alguns brinquedos completos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.