quinta-feira, 12 de junho de 2014

Segurem-me, senão posso esganá-las

Eu sei que é normal haver brigas entre irmãos, só não sabia que podia ser tão irritante para um pai.


Até há pouco tempo era eu quem brigava e não a mãe, chamada a toda a hora entre guinchos de raiva e dor.


As cachopas passam todo o santo dia em guerra, o que equivale a dizer que passam o dia a berrar uma com a outra, fazendo competições sobre tudo e sobre nada, a espetar unhas e puxar cabelos.


Não sei que lhes faça, ou que me faça já que algo me diz que será assim toda a vida.


Só espero que me passem estes impulsos de as esganar.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.