terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Eleições para a FIFA - a anedota


Não é que domine o assunto mas, por aquilo que vou lendo, as eleições para a FIFA conseguem ser mais anedóticas (not) do que as presidenciais em Portugal.

Relativamente à candidatura do nosso Figo, parece que Portugal está dividido entre o apoio da Federação e o descrédito sentido pela opinião pública, que aqui retrato através do JMT .

O certo é, que a continuarem as desistências da corrida, ainda nos arriscamos a ter um presidente português.

Pelo menos era giro (o presidente).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.