Experimentar o Amor

Ao ver uma comovente reportagem sobre jovens institucionalizados chamou-me a atenção o facto de muitos dizerem que o seu sonho é casar e ter filhos ou que só conheceram o Amor depois de terem constituído a sua família.

Esta sede de experimentar o Amor deve fez-me pensar.

Alguns destes jovens sentiam-se mais seguros a viver na rua do que em casa, tanta seria a falta de Amor.

E no entanto, apesar de terem todos os motivos para não acreditar nele, anseiam por experimentá-lo.

Linda esta conclusão e reveladora de vale sempre a pena apostar naqueles que parecem perdidos.

Porque o Amor salva. Assim saibamos senti-lo (e dá-lo).

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Para a Luísa

Até ao céu

3 professores em 4 anos!