A ignorância é uma benção

Ontem, na catequese, falava-se sobre a verdade e, em determinado contexto, o padre Armando disse que a ignorância pode ser muito boa.
De facto, se há certeza que se tem consolidado em mim é a de que a ignorância é mesmo uma benção.
Lamentavelmente  parece que, a este nível, vou ser como a minha avó. Saber demais sobre algumas pessoas e não por procurar, muito menos querer saber mas por esse conhecimento vir ter comigo de todas as formas e feitios. E eu que me ria quando a minha avó dizia que não tinha culpa de saber a vida da vizinhança toda.
Bem feita.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama