quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Será a obrigação de fazer trabalhos de casa violadora da Convenção dos Direitos das Crianças?

Muito se tem falado ultimamente da pertinência de obrigar as crianças a fazer trabalhos de casa e a temática faz-me regressar mentalmente à meninice.
Fui altamente massacrada com trabalhos de casa. O professor Pereira não brincava em serviço e os sábados de manhã, passados na sala do piano do meu avô eram um martírio.
Lembro-me do pai da minha melhor amiga, a Xana, que era professor, ser frontalmente contra os tpc e ter a admiração dos miúdos todos.
Apesar da minha experiência não ser das melhores, acho positivo que os meninos comecem a ter habitos de estudo. Tudo na devida proporção, naturalmente, e aí entrará a razoabilidade dos professores.
Sinceramente não me parece que sejam os deveres que impedem as crianças de brincar. Aliás, até permitem que os pais estejam mais proximos daquilo que é o seu dia a dia e das suas aprendizagens. Tudo, repito, com conta pesp e medida o que nem sempre acontece com as milhentas actividades extracurriculares em que as inscrevemos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.