Desculpas não se pedem

A patroa mais nova tem os sentimentos, indomados, à flor da pele.
Perco a conta aos pedidos de desculpa e abracos recebidos, sempre que cai nela e percebe ter passado os limites.
Esta capacidade de pedir desculpa, espontaneamente, é louvável. Está no bom caminho, a minha pequena. Falta só o passo seguinte. Perceber que as desculpas não se pedem, evitam-se. Mas tem toda uma vida para o dar.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama