sábado, 9 de junho de 2012

Num assomo de loucura

Num assomo de loucura (daqueles que, felizmente, só tenho aí uma vez por ano), resolvi ir à esteticista. Para animar algo já de si tão animado, levei D.ª Maria Leonor comigo. Às tantas estava a esteticista a esfurancar-me as sobrancelhas e a Leonor sentada na minha barriga. Hora e meia depois, estava eu fartinha de praguejar interiormente, pergunta a esteticista "é só para tirar o excesso, não é?". Foi quando percebi a piadola do meu marido "pareces o Quim Roscas". A loucura não se ficou pelas sobrancelhas, foi dia de arranjar mãos e pés. Não vão acreditar, mas deixei pintar com rosa forte (também, só assim a minha unha do pé carunchosa disfarça). Como está bom de ver, era eu a sair da cabeleireira, toda vaidosa, com os dedinhos dos pés à mostra e os primeiros pingos de chuva a cair. Temos pena, agora nem que chovam canivetes vou esconder os pés. Ainda falta muito tempo para o próximo ano.

3 comentários:

  1. Ora aí está: tens que fazer o mesmo aí umas 5 vezes por ano e deixas a Leonor com o pai para ele saber o que custa ter as sobrancelhas arranjadas... hehehehe

    ResponderEliminar
  2. Hora e meia a fazer sobrancelhas? Bolas! Eu é de tesoura e tiras de cera na mão e a doer ou não vai em cinco minutos. Mas tem que ser sozinha, senão poluo as orelhas de quem estiver por perto...
    jinhos da Galinhola

    ResponderEliminar
  3. Queridas Nela e Galinhola, querida, é mesmo assim que me vêem? Estava a caricaturar. Não demorou hora e meia :)

    Bjocas grandes

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.