Discussão conjugal

Hoje assisti, em lágrimas de tanto rir, à 1.ª discussão conjugal da minha filha mais velha. A rapariga está a atravessar a fase dos amigos imaginários, mas hoje a amizade deu lugar ao amor e criou o seu marido imaginário. Só vos digo, tenho pena do moço; gritou-lhe tanto, tanto que devia estar apavorado. No final da discussão disse "olha, vou meter-te na reciclagem". Dito e feito, abriu a tampa do recipiente do papel (vá lá que teve sorte, seria pior se fosse o do vidro) e atirou o marido lá para dentro. Ah mulher de fibra. Tem de haver umas para vingar as outras. Carrega Leonor

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Obrigada autoestrada

Lanche partilhado

Onde está Deus nestas alturas?