terça-feira, 6 de novembro de 2012

Quilo a Quilo toma o cachalote forma

A amabilidade das minhas médicas do IPO, que faz com que se articulem para marcar as consultas no mesmo dia, tem-me valido algumas humilhações.

Em vez de uma, tenho de me pesar duas vezes no mesmo dia. Bem tento escapar-me à 2.ª pesagem, mas sem sorte.

Mais 4 quilos desde a última vez que lá fui, ou seja 4 quilos por mês, numa espiral de gordura que ameaça não parar de aumentar.

E pior do que isso é que saio de lá tão derreada que tenho de me enfiar na Hussel do shopping fronteiriço, onde acabo sempre por emborcar um saco de gomas.

Que culpa tenho eu de precisar de açúcar para me acalmar?

Alguém que me cosa a boca, por favor, que já não vou para nova.

2 comentários:

  1. Como eu te compreendo... :-)
    Beijinhos!
    TP

    ResponderEliminar
  2. Susana, mas tu ao menos tens 2 filhas, podes culpa-las pela situação, agora eu não tenho a quem culpar de pesar quase 80kg.

    Mulher sofre.

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.