quarta-feira, 24 de julho de 2013

Os efeitos perniciosos de ter tias emigrantes

As minhas filhas têm duas tias emigrantes , minhas irmãs mais novas, que as enchem de prendas.

Até aqui tudo bem. Quem não gosta de receber prendas?

Entre essas prendas estão dezenas (e não exagero) de vestidinhos e t´shirts vindas dos quatro cantos do mundo, desde o Dubai à Tailândia, passando pela Suécia, República Checa .... (nem vou continuar a enumerar que me faz sentir mesmo provinciana, ainda que orgulhosa das raízes).

Ora isto é porreiro, pois nunca falta roupa no armário (de Verão então, é um fartote), mas tem o efeito pernicioso de aqui a "Olívia empregada" ir deixando acumular trapinhos, devidamente esticados, ao lado da tábua de engomar.

Quero com isto dizer que tenho lá em casa uma pilha, da altura do monte Evereste, pronta a desmoronar e soterrar algum infeliz que passe nas proximidades.

Se alguém se quiser distrair (consta que há quem goste de engomar, coisa que não consigo perceber), é só enviar comentário com contacto (prometo não publicar).



4 comentários:

  1. passo a bola, ainda se fosse só dobrar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tens a tua dose, ao aturar as donas dos trapos

      Eliminar
  2. Confesso que sou das tontinhas que até nem se importa de engomar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tontinha não. Heroína. Só te esqueceste de mandar o contacto :)

      Eliminar

Obrigada por dar vida a este blog.