Os menus dos avózinhos

Com a minha habitual desorganização, acabei por abandonar a "postagem" diária dos menus preparados para os avózinhos, uma aventura que hoje termina.

O balanço final é extremamente positivo e tive até direito a um elogio espontâneo feito pelo avô ao meu caldo verde, o que me inchou (isso e os 500 kgs de gordura ingeridos por estes dias) de orgulho.

Só o arroz de frango (na verdade era galinha caseira) é que correu menos bem, já que a carne ficou demasiado, chamemos-lhe, "al dente" e, por isso mesmo, impossível de mastigar.

Se tivesse sido a minha avó a cozinhar, tinha caído "o carmo e a trindade". Como fui eu a coisa passou, sem qualquer comentário.

Como tudo está bem, quando acaba bem, deixo uma imagem (captada pela Leonor) que vale sempre mais do que mil palavras.

Comentários

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.

Mensagens populares deste blogue

Obrigada autoestrada

Lanche partilhado

Onde está Deus nestas alturas?