segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Para aproveitar vinho tinto

Quando tenho  em casa visitas que bebam vinho tinto, acabo, invariavelmente, a comer arroz de coelho no dia seguinte.

Isto a menos que os convivas derretam as garrafas todas.

Como eu não bebo e o meu homem só bebe quando tem companhia, tenho de arranjar forma de dar destino ao vinho (há quem o congele para aproveitar nos cozinhados).

Vai daí, ponho um coelho a marinar no vinho que sobrou, juntamente com alho, cebola, colorau e uma folha de louro.

Depois  é só fazer um refogado, juntar o coelho, a marinada (mais ou menos consoante se goste de sabores muito ou pouco apurados), água, sal e, um pouco mais tarde, o arroz (ou esparguete).

Aqui fica a ideia.

4 comentários:

  1. E a salsa Susana? eu meto no coelho lol.
    Adoro coelho,experimenta fazer umas peras bêbedas para ti e para o marido,aproveitas o vinho e é uma bela sobremesa.
    Beijinhos e uma ótima semana para ti ,para o marido e para as meninas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não suporto salsa Natália. Gosto é muito de coentros.

      Boa ideia a das peras bêbadas.

      Um beijinho para ti e para os teus

      Eliminar
  2. pois eu sou menos esquisita. Tenho uma garrafa que comprei (assim gira, lilás) em coma do balcão, onde vou colocando as "sobras de vinho" sejam branco, tinto, rosé ou mesmo espumante e depois vou temperando tudo, hamburgueres, carne de porco, marcha tudo com aquela bonita mistura e fica bom.

    ResponderEliminar

Obrigada por dar vida a este blog.