quinta-feira, 24 de março de 2016

1.ª Missa de lava-pés das patroas

Este ano arriscámos levar as patroas à Missa de lava-pés e tudo correu muito bem.


Enquanto a Leonor dormia serenamente, a Tita esgueirou-se até ao altar e sentou-se na soleira de uma porta onde assistiu a toda a cerimónia com um campo de visão privilegiado.


Na altura da comunhão veio ter comigo para saber quando podia comer a "bolacha" (a rapariga tem mesmo um problema com a comida).


Tentei explicar-lhe que só poderia comungar depois de fazer a 1.ª comunhão e só a custo evitei que corresse para o sacerdote que "estava ali a dar bolachas".


Mais um cromo para o album de recordações.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.