sexta-feira, 20 de maio de 2016

"Louco como uma cabra"

Lá diz o provérbio "traduttori traditori", ou seja "tradutor traidor". Creio que, na origem, a expressão tenha um sentido verdadeiramente pejorativo para os tradutores, acusando-os de distorcerem o verdadeiro espírito dos "interpretados".

Não os vejo assim. Sei é que a tradução é uma verdadeira arte já que as expressões idiomáticas são recorrentes e a literalidade um risco. Sei também que detesto tradutores automáticos e dá uma trabalheira danada corrigir textos que tenham passado por eles.

Mas vem este post a propósito do sentimento expresso pelo Presidente da Venezuela, que se diz "louco como uma cabra".

Admitindo que estejamos perante uma tradução literal mal conseguida, gostava imenso que alguém (eventualmente algum luso-venezuelano) me dissesse o verdadeiro sentido da expressão ou então que descreva a loucura das cabras na Venezuela para que eu perceba o que vai no coração do homem.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.