Pais em férias (o vazio)

A casa continua silenciosa, com as patroas de férias com os avós.
Dentro de mim, existe um misto de sentimentos.
Não nego que me faziam falta amanheceres mais calmos mas, ao mesmo tempo, vivo uma esquisita sensação de vazio. Falta qualquer coisa. Os temas de conversa com o papá vão, invariavelmente, dar ao mesmo.
Ontem foi dia de visita e tive direito às habituais disputas do lugar mais perto de mim à mesa, do colo e atenção.
Está tudo igual afinal e daqui a uns dias estarão cá. Vou aproveitar para descansar o corpo, já que a mente não tem parança.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama