sábado, 17 de setembro de 2016

Só aceito lições de moral de quem mas saiba dar

Quando, nas discussões de adolescente com o meu pai, ele me dizia que só aceitava lições de moral de quem lhas soubesse dar, ficava furiosa com aquilo que me parecia um atestado de menoridade.
E só hoje consegui perceber o significado da expressão que agora interpreto como - só aceito lições de moral de quem a tenha e (condição cumulativa) saiba do que está a falar.
Exemplo académico _ não aceito críticas por não contribuir para o peditório do Banco Alimentar contra a Fome feitas por quem não se preocupa sequer em saber se eu ajudo outraa instituições.
De modos que precisei de 25 anos para perceber o meu pai (sou de compreensão lenta) mas cheguei lá e isso é que interessa. Talvez seja a isto que se chama o dom do discernimento.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.