Não me conformo e ponto final!

O meu marido diz, e com alguma razão, que não há mudança nenhuma que me agrade. De facto, tenho uma dificuldade tremenda em aceitar mudanças em coisas de que gosto e que, só por isso, deviam ser imutáveis na minha perspectiva.
Claro que a maior parte das vezes tenho de me resignar e com o tempo lá me adapto. Há, contudo, coisas que me recuso a engolir. Já não é  de agora e até já me lamuriei por aqui. Estou inconsolável. Devolvam a identidade à Anita. Deixem a Martine na origem.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Um queixo suturado e um coração rachado

Hoje dei os meus impostos por bem empregues

Só Deus tem os que mais ama