terça-feira, 13 de junho de 2017

Sinto-me confusa


Primeiro foi a chuva que ouvi ao acordar, ainda meia zonza, e que quis acreditar ser o som da água do chuveiro.

Foi preciso o meu homem abrir a janela para que eu a visse com estes olhos que a terra há-de comer.

Depois o Diário da República com esta mensagem que, por mais anos que viva, me há-de baralhar todos os santos dias 13 de Junho.

"O Diário da República é disponibilizado apenas aos dias úteis, de acordo com o artigo 5.º do Despacho normativo n.º 15/2016, de 21 de dezembro:

"O Diário da República é publicado todos os dias úteis, sem prejuízo da possibilidade de publicação aos sábados, domingos e feriados, em casos excepcionais devidamente justificados, mediante despacho do membro do Governo responsável pela edição do Diário da República."

E eu que pensava estar em Aveiro, num dia útil.

Quereis ver que amaluquei de vez?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por dar vida a este blog.