A malta tem de se rir

Anda meio mundo histérico com o RGPD, outro quarto quase esquecido e o restante está -se nas tintas. O livro reutilizado que calhou a uma das patroas traz o nome do anterior proprietário e metade dos exercícios feitos e devidamente corrigidos. Uma delícia.
Sendo nós cobaia deste projecto, é normal que apanhemos uma série de situações passadas ao lado dos teóricos. Já não será normal que situações destas passem no crivo de quem teve a árdua tarefa de fazer a triagem ou que alguém tenha decidido ignorar a situação, ainda que como forma de protesto. Sim, porque há coisas que só concebo como uma espécie de greve de zelo. Se todos aqueles que não concordam com as orientações dos suoeriores as ignorassem, o reino viraria uma anarquia ( digo eu com os nervos). Mas a patroa deve agradecer a parte das respostas.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Para a Luísa

Até ao céu

3 professores em 4 anos!